domingo, janeiro 21, 2018

NOITES DE IBICUÍ. Charles Fonseca. Poesia

NOITES DE IBICUÍ
Charles Fonseca

No povoado, noite de luar,
Minha mãe reunia os filhos
E com o pai a cantar
Estrofes e estribilhos
No passeio e silentes
Ouviam-lhes os não crentes
Hinos a dupla voz
Contraltos e sopranos
Os grilos a escutar

Tempo feliz era aquele
Luz só a da lua
Poeira o chão da rua
O vento a farfalhar
Depois era o silêncio
Dormir com os anjos, sonhar.